.
SINDICAM-SP


SAAC


Rodão


.

Giro seta

.
.
Dia Nacional do Caminhoneiro
 
Tamanho
da letra
 

Blitz da fumaça preta autua 31 caminhões em Sorocaba

 
18/05/2018
 
A Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb), em parceria com a Secretaria de Meio Ambiente (Sema) de Sorocaba, realizou nesta quarta-feira (16) a segunda grande operação de controle de fumaça diesel na cidade, e simultaneamente em outras cidades paulistas. A blitz, que começou às 9h, seguiu até às 14h, na avenida Independência, próximo à Base Comunitária da Polícia Militar, no Éden. No total, 620 caminhões a diesel foram verificados e desses, 31 foram autuados. Os números são maiores do que a primeira operação realizada este ano no mesmo local, e que ocorreu no último dia 24 de abril. Na ocasião, um total de 608 caminhões foram fiscalizados e desses 24 autuados. A ação fez parte da Operação Inverno da Cetesb e teve de agentes de trânsito da Urbes - Trânsito e Transportes e da Polícia Militar Rodoviária, e da Polícia Militar Ambiental. A ação é educativa, mas também tem caráter punitivo. Além das multas aplicadas pela Cetesb, o objetivo é conscientizar sobre a importância de manter os veículos a diesel regulados, a fim de minimizar a poluição do ar e contribuir para a saúde da população. As medições de emissão de fumaça preta foram realizadas por meio da escala de Ringelmamn, que é feita visualmente, através de uma tabela com cinco graduações de cores, variando do cinza claro ao preto. Esse método oferece a vantagem de a fiscalização ser feita com o veículo em movimento. Caso a fiscalização com a escala não seja precisa, o técnico encaminha os veículos para teste com opacímetro. O instrumento portátil é constituído por um banco óptico, sonda (cabo inserido no escapamento) e maleta com cabos para medição da quantidade de fumaça preta. O teste, que é feito com o veículo estacionado, dura em média dez minutos. Os motoristas com veículos irregulares terão que pagar multa de 60 Unidades Fiscais do Estado de São Paulo (Ufesp), o que corresponde a pouco mais R$ 1,5 mil. No caso dos motoristas multados pela primeira vez, há possibilidade de reduzir o valor da multa em 70%. Havendo reincidência, o valor dobra.
 
Fonte: www.jornalcruzeiro.com.br
 
Voltar
 
Compartilhar no Orkut Compartilhar no Facebook
 

cadastre-se

.
Digite seu e-mail aqui:
 

publicidade

.
IV SEMINÁRIO NACIONAL DE SINDICATOS DE CAMINHONEIROS AUTÔNOMOS
 
 
. .
Desenvolvido por:
F2 Webdesigner
Palavra do Presidente | Diretoria | História do Sindicam | Notícias | Sub-sedes | Jurídico | Eventos
Benefícios | Convênios | Links | Contato | Localização | Sindicams | Jornal do Sindicam